Página Inicial   >   Notícias

Suzane Richthofen STJ vai analisar proposta para redução da pena

07/08/2008 por Carta Forense
A possibilidade de redução da pena de Suzane Louise Von Richthofen deve ser analisada novamente pelos ministros da Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ). O ministro Nilson Naves, após apresentar voto-vista, propôs a concessão de habeas-corpus de ofício a Suzane com o objetivo de excluir da pena as agravantes consideradas pelo juiz. Isso representaria uma diminuição de oito anos do total da condenação.

Se ficar vencido no julgamento, o ministro propõe que o aumento seja razoável, ou seja, de apenas dois e não oito anos. Neste último caso, representaria uma diminuição de seis anos no total da condenação.

Suzane foi condenada pela morte dos pais, Marize e Manfred Ritchofen, juntamente com Daniel e Christian Cravinhos em 2002. A pena de Suzane foi calculada considerando a fixação da pena-base em 16 anos, com aumento de quatro anos relativos a cada crime, reconhecida ainda a atenuante da menoridade, com redução total de um ano. Ao todo, está condenada a 39 anos de reclusão pelo crime de homicídio.

As propostas do ministro Naves serão analisadas primeiramente pelo relator do caso ministro Og Fernandes e depois levadas à consideração dos demais ministros da Sexta Turma.

A sugestão do ministro Nilson Naves é, se aceita a proposta de redução da pena de Suzane, o benefício seja estendido aos co-autores do crime. O habeas-corpus interposto pela defesa não foi conhecido, por unanimidade, pela Turma em razão de falha processual.

Comentários

© 2001-2020 - Jornal Carta Forense, São Paulo

tel: (11) 3045-8488 e-mail: contato@cartaforense.com.br