Página Inicial   >   Notícias

Polícia Decretada prisão preventiva de delegado acusado de formação de quadrilha e corrupção

30/08/2012 por ASCOM-TJ/DF



O Juiz da 3ª Vara Criminal de Ceilândia decretou a prisão preventiva do delegado Severo Benício dos Santos, acusado de formação de quadrilha e corrupção, em decorrência de atuação conjunta com grileiros. O delegado também responde a outra ação penal por estelionato, em processo que corre na 2ª Vara Criminal de Taguatinga. Porém a prisão é resultado da acusão de formação de quadrilha e corrupção.

Além dele, Edvard de Souza Alves da Mata, Antônio Carlos Lopes de Andrade e Edigard Enéas da Silva tiveram a prisão preventiva decretada, acusados de corromper agentes públicos e atuar como “grileiros” e quadrilheiros.

A grilagem teria ocorrido numa área de 45 mil m², conhecida como Condomínio Pinheiro, em Ceilândia. Severo era o Delegado-Plantonista da 19ª DP, que fica a poucos quilômetros do parcelamento. O pedido de prisão se deu porque ele vinha pressionando testemunhas.

O processo corre em segredo de justiça apenas para os nomes das testemunhas.

 

Processo: 2011.03.1.017633-2

Comentários

© 2001-2019 - Jornal Carta Forense, São Paulo

tel: (11) 3045-8488 e-mail: contato@cartaforense.com.br