Página Inicial   >   Notícias

maior multa da história CADE multa AmBev em R$ 352 milhões por prática anticoncorrencial no mercado

22/07/2009 por Agência Brasil
Na maior penalidade a uma única empresa já determinada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) em sua história, a AmBev foi condenada hoje (22), por unanimidade, ao pagamento de multa de R$ 352,7 milhões por práticas que prejudicaram a concorrência no mercado de cervejas.

O processo foi movido pela Schincariol. O valor da multa aplicada correspondeu a 2% do faturamento bruto global da AmBev em 2003 e foi majorado - seria em princípio de 1,5% - porque o relator do processo, conselheiro Fernando Furlan, ressaltou que a empresa agiu na ilegalidade de forma "intencional". A AmBev detém mais de 70% do mercado nacional de cervejas.

Ao exigir exclusividade de seus produtos em pontos de venda, a distribuidora condenada inibiu a comercialização de outras marcas. Assim, segundo o Cade, os consumidores foram prejudicados por não encontrarem variedade, nem preços desejados.

Pela decisão, a AmBev também terá que extinguir os programas d

Comentários

© 2001-2019 - Jornal Carta Forense, São Paulo

tel: (11) 3045-8488 e-mail: contato@cartaforense.com.br