Página Inicial   >   Colunas

Crônicas Forenses A HOMENAGEM

03/10/2007 por Roberto Delmanto

 

Quando Jânio Quadros, sucedendo a Ademar de Barros, assumiu o governo do Estado de São Paulo, mandou instaurar inúmeros processos administrativos contra funcionários públicos por suspeita de improbidade, alguns dos quais atingiram a cúpula da polícia civil e resultaram em ações penais.

 

Meu pai Dante - cujo centenário de nascimento se comemora este ano - defendeu vários Delegados, entre eles o Dr. C., que dirigia importante departamento, injustamente acusado por desafetos.

 

Provada sua absoluta inocência, foi ele absolvido.

 

Tornou-se, então, grande amigo de meu genitor e um dos ex-clientes mais gratos que já teve. Durante muitos anos, nas vésperas do Natal, ele e a mulher iam visitá-lo em nossa residência, levando sempre um presente. Quando o Dr. C. morreu, a esposa continuou, enquanto viva, repetindo o mesmo gesto de gratidão.

 

Mas a lembrança de menino que tenho desse ilustre Delegado é muito especial.

 

Era uma manhã de um dia 7 de setembro, quando, na casa do Jardim América em que nós morávamos, fomos acordados por um toque de clarim. Ao abrirmos as janelas, nos deparamos com um pelotão de cavalariços perfilados na rua. Explicou o oficial que o chefiava que, como se dirigissem ao Parque do Ibirapuera para o desfile, pela Avenida Brasil, haviam se desviado um q     uarteirão na altura da nossa rua, para homenagear meu pai.

 

Só à tarde ficamos sabendo, por um telefonema do Dr. C., já então reconduzido à importante cargo da Secretaria da Segurança Pública, que fôra ele o idealizador da inesquecível homenagem, graças à amizade que tinha com o Comandante da então Força Pública, hoje Polícia Militar do Estado...

Comentários

BEM-VINDO À CARTA FORENSE | LOG IN
E-MAIL:
SENHA: OK esqueceu?

ROBERTO DELMANTO

Roberto Delmanto

Advogado criminal, é autor dos livros Código Penal Comentado, Leis Penais Especiais Comentadas, O Gesto e o Quadro, A Antessala da Esperança, Momentos de Paraíso-memórias de um criminalista e Causos Criminais, os quatro primeiros pela Saraiva e os demais pela Renovar”

NEWSLETTER

Receba nossas novidades

© 2001-2019 - Jornal Carta Forense, São Paulo

tel: (11) 3045-8488 e-mail: contato@cartaforense.com.br